O Advento das Redes Sociais
Criação de Sites .:. Furtado Leite Desenvolvimento de Sistemas .:. www.furtadoleite.com.br


Após o grande “Boom” das redes sociais em 2010/2011, as redes sociais deixaram de ser vistas como algo passageiro, para desempenhar um papel fundamental como ferramenta de comunicação em tempo real. Empresas, usuários, profissionais ou não, eles estão na internet e acessando as redes sociais.

.:.
Cuide da sua imagem nas redes sociais

Vez ou outra, os jornais online e offline estão falando sobre o poder das redes sociais e como elas tem desenvolvido esse papel no novo cenário da comunicação digital. Muitos sabem usar essas ferramentas ao seu favor, porém, tantos outros tem se prejudicado bastante com o mal uso dessas ferramentas. Empresas que se prejudicam em seu mercado por não ter um planejamento estratégico no momento da utilização dessa ferramenta. Profissionais perdem seus empregos pela falta de bom senso no momento de postar seus comentários. 

A tecnologia tem sido um grande aliado para a comunicação empresarial. Estamos sempre em busca de novas ferramentas para executar nossas atividades. A grande e última super novidade foi o surgimento das redes sociais globais. Estas ferramentas permitem a interação entre o autor e usuários e até mesmo de usuário para usuário. A tendência é tão forte que os tradicionais portais tiveram declínio.

As redes não são coisa apenas de jovem. É cada vez maior o número de usuários com mais de 39 anos. A internet faz parte do dia-a-dia da grande maioria da população mundial. Dentro deste hábito de acessar a internet, destaca-se a participação crescente das redes sociais. Todos querem ser protagonistas. 
Para compreender como se deu a evolução das redes sociais na internet, é necessário um breve relato histórico sobre o seu surgimento e as características de cada uma.

.:.
As Redes Sociais antecedem a Internet

O conceito das redes sociais é algo bem mais antigo que nossa famosa web. Redes sociais representam grupo de pessoas, interação social, troca social. Falar do surgimento das redes sociais nos leva ao início da civilização onde o homem se reunia em torno de uma fogueira para compartilhar gostos e interesses. As Redes sociais surgem da necessidade do ser humano em compartilhar com o outro, criar laços sociais que são norteados por afinidades entre eles.

Entendemos redes sociais como qualquer grupo que compartilhe de um interesse em comum, um ideal, preferencia, etc. Quando essa interação social parte para o ambiente online, temos as chamadas redes sociais digitais.

.:.
A evolução das Redes Sociais

Na década de 90,  a web, idealizada por Tim Berners-Lee,  tinha o propósito de compartilhar  arquivos. Com o advento da web, os e-mails apareceram como a primeira forma de relacionamento na internet. A troca de mensagens por e-mail era a única forma de comunicação e troca de arquivos disponíveis para os usuários. Também conhecido como correio eletrônico, essa forma de interação entre os usuários é mantida até os dias de hoje. Com o passar dos anos e o aumento considerável no número de internautas, foi sentida a necessidade da criação de uma ferramenta de comunicação mais rápida, funcional e abrangente, que permitisse uma ampliação nas redes de contatos. Surgiram os fóruns de discussão. 

  

.:.

ClassMates.com (1995)

Com o propósito de realizar um reencontro entre os amigos de faculdade, escola, etc, o ClassMates surgiu em meados de 1995 onde figurava como a primeira rede social na internet. Levou para o online os laços sociais que haviam sido criadas no ambiente offline. O site possuía um modelo de serviço pago, ao contrário das redes que chegariam pouco tempo depois. 


AOL Instant Messenger (1997)

Um dos primeiros provedores de internet, a América Online também foi uma das pioneiras na categoria bate-papo, com o AOL Instant Messenger. As primeiras mensagens instantâneas começavam a ser enviadas pela internet no ano de 1997, mesmo com o acesso limitado aos assinantes do provedor, o AOL Messenger teve um papel importante na popularização das mensagens instantâneas.

 

 

Sixdegress (1997)

Também em 1997 surgiu a Sixdegress, primeira rede social que permitiu a criação de um perfil virtual, bem como a publicação e listagem de contatos. Segundo Nickson, Cristopher (2009) Esse novo modelo de rede social passou a permitir a visualização de perfis de terceiros. O nome Sixdegress faz referência aos seis graus de amizade, um conhecido conceito que fala que a cada 6 pessoas que conhecemos, temos um amigo em comum. O propósito da rede social era exatamente de amplificar a rede de contatos, através das amizades que os usuários possuíam. Após esse modelo de rede social, várias outras semelhantes foram criadas.

rede social sixdegress

 

Friendster (2002)

Durante esse período entre 1997 e 2002 várias redes sociais foram criadas, uma das redes sociais dessa época que mais se aproxima dos formatos atuais é a rede chamada Friendster. Essa rede social conquistou muitos internautas. Com o conceito de circulo de amizades a Friendster encorajava laços de relacionamento entre pessoas com interesses em comum. Seguindo o mesmo perfil da Sixdegrees, ela também permitia a criação e divulgação de perfis e listas de contatos. A Friendster registrou mais de três milhões de usuários cadastrados. Atualmente ele ainda possui usuários na Ásia.

  

My Space 2003 

Logo após o sucesso da Friendster surgia à rede social conhecida como My Space, ela por sua vez era concebida como o “clone” da Friendster, uma espécie de nova versão. Uma curiosidade a respeito dessa rede social foi a sua primeira versão feita apressadamente, segundo relatos à rede social foi codificada em apenas dez dias. Com o seu aperfeiçoamento, o My Space se destacou por se mostrar uma rede social totalmente interativa, com espaços para músicas, fotos e um blog que poderia ser personalizado por cada usuário. O My Space se tornaria uma das redes sociais mais populares do mundo, principalmente nos Estados Unidos.

 
  

LinkedIn A rede social dos empresários (2003)

Lançada no ano de 2003, o Linkedin aparecia com uma proposta totalmente diferente das redes sociais daquela época. Ao contrário das demais, essa rede social não tinha como foco a integração de grupos de amizades com interesses em comum. O assunto era totalmente profissional. Conhecida como uma recurso para os empresários que queiram se comunicar com os outros profissionais o Linkedin trata a ligação entre os usuários com o termo conexões e não contatos como nas demais redes. 

 

Web 2.0

O grande “Boom” das redes sociais aconteceu em 2004 com a chegada da web 2.0 (base de dados de computadores se intercomunicando automaticamente), ela que por sua vez indicava a chegada da segunda geração de comunidades, uma espécie de evolução da web após a bolha da internet. Essa evolução não estava ligada a atualizações técnicas, mas, a uma nova forma de utilizar e encarar a internet, tanto pelos seus usuários como também pelos próprios desenvolvedores. Apesar de muitos identificarem essa nova termologia como apenas uma estratégia de marketing, o fato é que exatamente no ano de 2004 seria lançada a rede social que surgiria como um grande fenômeno de popularidade no Brasil e no mundo.

 

A Chegada do Orkut (2004)

rede social orkut

Orkut foi criado pelo engenheiro turco e funcionário do Google chamado Orkut Büyükkokten, ele que levaria seu nome a rede social, criou o Orkut com a proposta de possibilitar aos usuários a criação de novas amizades. Em seu lançamento, o público alvo seria os internautas americanos. No entanto, a rede social faria sucesso mundial, em dois países em especial o Brasil e a Índia. O Orkut se tornou uma febre, inicialmente era necessário o envio de um convite por parte de algum amigo que já estava participando da rede. Isso gerou uma enorme interação por parte dos usuários que dessa forma rapidamente difundiram o uso do Orkut

Fundação do Facebook (2004)

No mesmo ano outra rede social era criada, no inicio chamado de The Facebook, o Facebook seria fundado pelos ex-estudantes da Universidade de Harvard Mark ZuckerberDustin MoskovitzEduardo Saverin e Cris HughesNo seu início funcionaria de forma restrita somente para os estudantes de Harvard. Com o passar do tempo foi expandindo para outros campos estudantis e somente em 2006, qualquer usuário com mais de 13 anos poderia criar o seu perfil no Facebook. 

Atualmente o Facebook lidera o ranking de redes sociais no Brasil, onde em julho de 2012, ele aparece com 54,99% da preferência nacional em visitas. O Facebook tem utilizado diversas estratégias com o claro objetivo de manter os usuários o maior tempo possível conectado a sua rede.

Existem planos do lançamento de um navegador próprio, sendo esse navegador resultado da compra do navegador Opera, que atualmente possui cerca de 200 milhões de usuários. O Facebook tem crescido a medida que a rede social evolui como uma espécie de habitat completo, onde os aplicativos, jogos e recursos tem proporcionado aos usuários um leque cada vez maior de atividades possíveis dentro da rede social.

 

Chegada do Twitter (2006)

No ano de 2006 criado pela Obvios Corp, seria lançada a rede social Twitter, até então considerada a mais inovadora no que se refere à velocidade da informação. O termo Twitter foi inspirado no som de um pássaro que emite sons para comunicar os demais pássaros sua atual localização e atividade. Com características bem diferentes das demais redes sociais, e com apenas 140 caracteres para publicação de algum conteúdo o Twitter passou alguns anos no anonimato. O Orkut até meados de 2008 era grande preferência da maioria dos brasileiros, mas, a partir do ano de 2009 o Twitter foi conquistando cada vez mais espaço, tornando-se uma das principais redes sociais do mundo.

O Twitter conseguiu se manter como uma das redes sociais mais acessadas do mundo, e mesmo com o crescimento vertiginoso do Facebook, conseguiu manter o seu público fiel. Outro destaque para a rede social do pássaro azul, está relacionado aos ganhos da rede social com publicidade. 

 

Pinterest (2010) 

Poucos sabem dessa história, mas, o desenvolvimento do Pinterest começou ainda em 2009, e seria lançado em versão beta em março de 2010. O Pinterest foi desenvolvida por Paul Sciarra, Evan Sharp e Ben Silbermann, com o foco de ser uma rede social voltada para o compartilhamento de fotos, o Pinterest ganhou fama por permitir aos  usuários uma personalização, conhecida como “quadro de inspirações”, onde o usuário possui a gestão de suas imagens, bem como a possibilidade de divisão entre temas e categorias.

A rede social Pinterest é caracterizada pelo layout simples, que vem crescendo como uma opção fácil e eficiente de compartilhar imagens na internet. O criador da rede social Ben Silbermann, se diz o responsável pelos primeiros 5.000 usuários da rede social. Desenvolvido em um pequeno apartamento, a rede social foi alcançando novos usuários, até que em 2011 foi classificada pela revista Time como um dos “50 melhores sites de 2011”. No ano de 2012 a rede social começou a se tornar popular no Brasil, porém, longe do sucesso alcançado do Facebook.

 

Instagram (2010)

Um aplicativo que permite que os usuários possam capturar imagens, aplicar filtros e publicar gratuitamente. Essa foi a fórmula do sucesso do Instagram. Lançado oficialmente em Outubro de 2013, o Instagram alcançou o sucesso mundial no final de 2013 e emplacando como febre mundial no ano de 2013.

Ainda não é de conhecimento da maioria do público brasileiro, a participação do brasileiro Mike Krieger no desenvolvimento do software. Após o aporte financeiro que recebeu em 2011, estimado em mais de U$$ 7 Milhões, a empresa ainda não declarou abertamente como pretende monetizar o aplicativo. Existe uma grande possibilidade já revelada pela empresa de monetizar o aplicativo através de publicidade paga.

Hoje o Instagram já está liberado tanto para IOS como para o sistema Android. Porém, inicialmente o aplicativo era exclusivo para os usuários da Apple. Ao anunciar a versão para Android, um grande discussão surgiu sobre a qualidade do conteúdo que seria publicado pelos novos usuários.

Um dos grandes marcos do Instagram foi o de ter alcançado quase dez milhões de usuários, com uma equipe de apenas seis funcionários. Atualmente o aplicativo está disponível em Inglês, mandarim, francês, alemão, italiano, japonês, latim, coreano, português e espanhol.

Chegada do Google+(2011)

O Advento das Redes Sociais

Após algumas tentativas frustradas de lançar uma rede social que realmente fizesse sucesso, o Google lançou o novo projeto chamado de Google+ ou plus. A gigante das buscas lançaria seu novo projeto dando destaque nos círculos e a Social Search. A ideia inicial da rede Google+ seria permitir uma interação dos usuário de maneira seletiva, dividindo em círculos cada grupo de amizade. Utilizando ferramentas como o Hangout onde é possível fazer uma conferência em tempo real com vários usuários, o Google trouxe a presença de grandes artistas para representar a rede social.

O sucesso de cadastros no Google+

A rede social teve um pico de 90 milhões de cadastros. No entanto, isso não se converte em usuários ativos na rede social, principalmente no Brasil onde a grande favorita ainda é o Facebook. O Google recentemente criou a Search your world onde relaciona diretamente o Google+ com os resultados de buscas. Para entender mais sobre os mecanismos de busca leia o artigo: Como funcionam os mecanismos de busca.

Apesar do exponencial crescimento, o Google ainda tem um vasto mercado para conquistar. Segundo o levantamento, o G+ possui apenas cerca de 1,17% de participação no mercado. 


Comente

Criação de Sites, Apps, Campanhas Digitais, Logotipia, Hospedagem de Sites, Gestão de Redes Sociais, Consultoria em TI, Otimização SEO para Buscadores.

Rua São Vicente de Paula, 635 - Agronômica - Florianópolis - SC CEP 88.025-330
Com.: (48) 3209.3052 | Sup.: (48) 99925.6565 | Vendas: (48) 98807.6362
Seg.-Sex.: das 8h às 18h

Nenhum produto no carrinho.

X